Salvador é capital com maior índice de pessoas fisicamente ativas, mostra IBGE

O IBGE mostra que 62%, que representa 6,9 milhões de pessoas, tem nas suas rotinas atividades físicas, sejam no lazer, trabalho ou deslocamento.

Sete em cada 10 adultos em Salvador praticam pelo menos 150 minutos de atividade física por semana e são, portanto, considerados suficientemente ativos. Os dados destacam a capital baiana entre as demais do país e foram revelados pela Pesquisa Nacional de Saúde realizada pelo IBGE. Os resultados foram divulgados nesta quarta-feira (18). O percentual de adultos ativos em Salvador (69,4%) era o maior entre as capitais.

No estado, em 2019, seis em cada 10 adultos eram considerados ativos. O IBGE mostra que 62%, que representa 6,9 milhões de pessoas, tem nas suas rotinas atividades físicas, sejam no lazer, trabalho ou deslocamento. A Bahia ocupa a sexta posição entre os estados do país.

No Brasil como um todo, 59,7% da população de 18 anos ou mais de idade era suficientemente ativa no não passado, identificou o IBGE.

Entre os homens o índice é maior que as mulheres. Eles representam 70,7% na Bahia, 76,2% em Salvador e 67,9% no Brasil. Entre elas as que praticam atividades são 54,3% na Bahia, 64,1% em Salvador e 52,5% no Brasil.

Os dados ainda revelam que com a idade a atividade vai caindo. Na Bahia, 35,7% das pessoas de 60 anos ou mais de idade eram ativas em 2019. Em Salvador, esse percentual, embora também fosse o mais baixo por faixa etária, ainda era bem maior que no estado como um todo e chegava a mais da metade: 54,0% dos idosos eram ativos, a maior proporção para esse grupo etário entre as capitais.

Siga o Recôncavo no Ar nas redes sociais e fique por dentro de todas as informações e transmissões ao vivo na nossa página oficial.

Facebook e Instagram

Bahia Notícias