PRF e PM em Manoel Vitorino e Itagi desenvolvem ações de combate a fraudes veiculares

Operação voltada ao enfrentamento às fraudes veiculares na região de Jequié.

A Polícia Rodoviária Federal, em ação conjunta com policiais militares, realizou nesta quinta-feira (15), uma operação voltada ao enfrentamento às fraudes veiculares na região de Jequié. A ação, foi realizada em Manoel Vitorino e Itagi, devido ao alto índice de roubo/furto de veículos automotores e adulteração dos sinais identificadores.

Em Manoel Vitorino, no povoado de Catingal, as equipes fiscalizaram uma caminhonete FIAT/Strada que estava estacionada em via pública. Ao realizarem uma vistoria detalhada no carro, os policiais perceberam adulterações nos caracteres identificatórios. A numeração do motor remetia a uma outra caminhonete que possuía ocorrência de roubo, registrada em novembro/2011. Um idoso de 64 anos que se identificou como proprietário do veículo, relatou não ter conhecimento das irregularidades e acrescentou que comprou a Strada a pouco tempo para ‘rodar’ na zona rural.

Em Manoel Vitorino, no povoado de Catingal, foi fiscalizado uma Saveiro, ano/modelo 1994 e com placas do estado de São Paulo (SP). Em consulta aos sistemas informatizados, constatou-se que o veículo possuía ocorrência de furto, registrada em 11/2003, portanto há quase 17 anos. A responsável pela caminhonete, uma mulher de 28 anos, foi conduzida a Delegacia de Polícia Civil, para os procedimentos cabíveis.

Durante fiscalização no centro de Itagi (BA), os policiais abordaram uma motocicleta Honda/Cg 150 Titan. A moto era conduzida por uma idosa de 66 anos. Durante os procedimentos de fiscalização e análise dos elementos de identificação veicular, os policiais notaram adulterações, o que configura o crime do art. 311 do Código Penal. Indagada, a mulher relatou que comprou a motocicleta há alguns meses lá mesmo em Itagi. Ela foi encaminhada para a Delegacia de Polícia Judiciária.

Sistema Sinal

Dentre as ferramentas colocadas à disposição da sociedade, destaca-se o Sistema Nacional de Alarmes (SINAL), no qual o cidadão que tiver seu veículo roubado, furtado, com perda de sinal, em sequestro ou clonado, poderá fazer um cadastro do referido veículo no portal da PRF. Ao inserir informações sobre o crime e as características do automóvel, de imediato uma mensagem é enviada para os celulares dos policiais que estão em um raio de 100 km da ocorrência, o que contribui para uma possível recuperação do veículo.

Siga o Recôncavo no Ar nas redes sociais e fique por dentro de todas as informações e transmissões ao vivo na nossa página oficial.

Facebook e Instagram

Tribuna do Recôncavo PRF