Outras 39 pessoas a bordo do navio em quarentena no Japão tem infecção do coronavírus confirmada

Dados foram divulgados pelo Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social do Japão.

O Ministério da Saúde, Trabalho e Bem-Estar Social do Japão afirmou hoje (12) que outras 39 pessoas a bordo de um navio de cruzeiro atracado no porto de Yokohama, nas proximidades de Tóquio, foram confirmadas como tendo sido infectadas pelo novo coronavírus.

O total atualizado de casos detectados a bordo do Diamond Princess já chega a 174.

Houve a confirmação de que um funcionário responsável por procedimentos de quarentena também foi infectado.

Segundo o ministério, testes para detecção de vírus em mais 53 pessoas tiveram resultado positivo para 29 passageiros e 10 tripulantes. Incluem-se aí dez japoneses e uma garota de 10 anos, a primeira paciente nessa faixa etária.

Funcionário é infectado

O Ministério da Saúde informou, também, que o funcionário responsável por procedimentos de quarentena encontrava-se a bordo do Diamond Princess nos dias 3 e 4 de fevereiro.

Ele trajava máscara protetora e luvas, e entrou nos quartos dos passageiros para recolher questionários e medir a temperatura corporal deles.

O funcionário passou a ter febre cinco dias depois e foi até uma instituição médica no dia seguinte, onde passou por testes para detecção do vírus.

Entre os casos no navio, quatro pessoas estão em estado grave. Duas delas encontram-se internadas em unidades de tratamento intensivo, e as outras duas utilizam respiradores artificiais.

Siga o Recôncavo no Ar nas redes sociais e fique por dentro de todas as informações e transmissões ao vivo na nossa página oficial.

Facebook e Instagram

Varela Notícias/ Foto: Kim Kyung Hoon