Governo do Estado suspende transporte intermunicipal para Mutuípe

A medida visa controlar a disseminação do coronavírus no estado.

A Bahia já tem 41% das cidades com transporte intermunicipal suspenso. Nesta terça-feira (19), 25 municípios se integram à lista em um total de 174 cidades. A medida visa controlar a disseminação do coronavírus no estado.

A relação tem agora Água Fria, Amélia Rodrigues e Conceição do Jacuípe, no Portal do Sertão; Aracatu, Gongogi, Itagi e Urandi, no sudoeste; Arataca, Aurelino Leal e Floresta Azul, no sul; Barra, no oeste; Belmonte e Itabela, na Costa do Descobrimento; Caém, no Piemonte da Diamantina; Caldeirão Grande, no Piemonte Norte do Itapicuru; Cardeal da Silva e Rio Real, no agreste; Cravolândia e Mutuípe, no Vale do Jiquiriçá; Euclides da Cunha, no nordeste baiano; Medeiros Neto, no extremo sul; Monte Santo, na região sisaleira; Mucugê, na Chapada Diamantina e Mundo Novo e Piritiba, no Piemonte do Paraguaçu.

A suspensão nesses municípios começou a valer a partir desta quarta-feira (20). Conforme decreto, entende-se como transporte intermunicipal veículos coletivos público e privado, rodoviário e hidroviário, nas modalidades regular, fretamento, complementar, alternativo e de vans.

Transporte liberado

A medida também libera o serviço em outras 22 cidades. Abaré, Bom Jesus da Lapa, Cabaceiras do Paraguaçu, Canavieiras, Curaçá, Governador Mangabeira, Ibitiara, Igrapiúna, Itapetinga, Ituberá, Jussari, Jussiape, Nazaré, Pilão Arcado, Santa Cruz Cabrália, Santa Teresinha, Sátiro Dias, Saubara, Saúde, Sento Sé, Serra do Ramalho e Várzea Nova.

De acordo com o decreto, a decisão de autorizar o retorno do serviço se dá por conta de nesses municípios não ocorrer novos casos de coronavírus nos últimos 14 dias.

Siga o Recôncavo no Ar nas redes sociais e fique por dentro de todas as informações e transmissões ao vivo na nossa página oficial.

Facebook e Instagram

Mídia Bahia