Gêmeas siamesas santoantonienses são encaminhadas para Goiânia para cirurgia de separação

Seguirão no jatinho da Força Aérea Brasileira (FAB), para o Hospital da Criança de Goiânia onde farão a cirurgia para separação.

As gêmeas que nasceram siamesas em Santo Antônio de Jesus estão sendo encaminhadas de UTI terrestre para Feira de Santana na noite desta quinta-feira, 15, e de lá seguirão no jatinho da Força Aérea Brasileira (FAB), para o Hospital da Criança de Goiânia onde farão a cirurgia para separação. As irmãs Laura e Laís estão acompanhadas da tia, pois a mãe ainda se encontra na UTI após o parto de risco. Esse deslocamento se deu através do contato do cirurgião Dr. Antônio Carlos Santana após seu contato com Dr. Zacarias Kalil atuante em Goiás que providenciou a transferência para a unidade de Goiânia e ofereceu juntamente com o governador de Goiás o suporte para as irmãs e a família.

Unidas pelo abdômen, a notícia pegou a mãe Liliane Silva dos Santos de 35 anos de surpresa ainda no pré-natal, mesmo com os riscos, a dona de casa decidiu seguir com a gestação. O parto ocorreu na manhã desta quinta-feira, 15, enquanto a mãe estava a caminho de Salvador para uma consulta, sentiu as dores e recebeu recomendações de seguir para a Maternidade Luís Argolo em Santo Antônio de Jesus por ter um suporte maior na região do Recôncavo.

As irmãs compartilham um rim, um fígado, uma bexiga e um órgão reprodutor. Elas passam bem e respiram sem ajuda de aparelhos. Conforme a diretora médica da Santa Casa de Misericórdia, a médica Jussara Argolo, as irmãs nasceram na 36ª semana de gestação e compartilham os quatro órgãos. As duas pesam 3,700 kg.

Para o cirurgião Dr. Antônio Carlos, a resposta positiva do colega (Dr. Kalil) foi fundamental para que essas vidas fossem asseguradas. “Essa notícia mostra que quando as pessoas se unem mesmo as coisas saem e o brasileiro sabe ser solidário e temente a Deus. Ele me informou também que tem uma casa para que esses familiares possam ficar assegurados também em Goiânia”, disse.

Blog do Valente