Bahia tem quase 10 mil profissionais da saúde com teste positivo para coronavírus

A informação consta no último boletim divulgado nesta segunda-feira (6), pela Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab).

A Bahia contabiliza a marca de quase 10 mil profissionais da saúde, mais precisamente, 9.983 trabalhadores contaminados, que estão na linha de frente de combate ao novo coronavírus, desde o início da pandemia. A informação consta no último boletim divulgado nesta segunda-feira (6), pela Secretaria da Saúde da Bahia (Sesab).

De acordo com o boletim, o grupo que mais se contaminou, portanto, os que estão mais expostos, foram os técnicos e auxiliares de enfermagem, com 3.186 testes positivos; enfermeiros (1.833); médicos (1.001); agentes comunitários de saúde (357); fisioterapeutas (290); farmacêuticos (157); agentes de combate à endemias (152); nutricionista (143); dentista (143); assistente social (141); psicólogos (106); fonoaudiólogos (32); biomédico (29) e bioquímico (2). A pasta da saúde estadual não divulga o número de óbitos desses profissionais.

Ainda segundo a Sesab, nas últimas 24 horas, foram registrados 1.231 casos de Covid-19, o que representa uma taxa de crescimento de +1,4%, 61 óbitos (+2,9%) e 1.130 curados (+1,9%). Dos 88.279 casos confirmados desde o início da pandemia, 59.779 já são considerados curados, 26.332 encontram-se ativos e 2.168 tiveram óbito confirmado.

Siga o Recôncavo no Ar nas redes sociais e fique por dentro de todas as informações e transmissões ao vivo na nossa página oficial.

Facebook e Instagram

Bahia.BA / Foto: SESAB