Bahia sai na frente, mas leva virada do Flamengo no Maracanã

A distância para a Libertadores já está em seis pontos e o sonho continental se faz cada vez mais distante.

O Bahia até brigou, mas não conseguiu brecar o ímpeto do Flamengo, líder do Campeonato Brasileiro e cada vez mais campeão. O tricolor até abriu o placar do jogo deste domingo (10) no primeiro tempo graças ao gol de Willian Arão após boa jogada de Élber. Ademais, o Bahia colecionou desperdícios em oportunidades de contra-atacar e não conseguiu resistir à pressão do Flamengo que, no segundo tempo, virou o jogo com gols de Reinier e Bruno Henrique.

A derrota por 3×1 faz com que o Bahia chegue a seis jogos consecutivos sem saber o que é vencer um jogo. O tricolor tem a 17ª pior campanha do segundo turno com apenas 12 pontos somados em 13 jogos. A distância para a Libertadores já está em seis pontos e o sonho continental se faz cada vez mais distante.

O jogo

A proposta do Bahia era clara: aguardar o Flamengo, que naturalmente iria partir para cima, e encaixar seus contragolpes sempre que possível. 

Só que o tricolor definia mal suas oportunidades, que não foram poucas, de sair para o campo de ataque. Erros de domínio, passe e movimentação custaram muito aos comandados de Roger Machado.

Na defesa, o time se virou como podia e até que ofereceu poucas oportunidades aos líderes do campeonato. A primeira delas foi aos 5 minutos quando Gabriel recebeu impedido e só parou na defesa de Douglas.

Depois disso, Éverton Ribeiro arriscou de fora da área e a bola bateu do lado externo da rede. Vitinho tentou ser mais ousado e bateu de letra em cobrança de escanteio, mas o goleiro do Bahia estava bem posicionado para encaixar.

Siga o Recôncavo no Ar nas redes sociais e fique por dentro de todas as informações e transmissões ao vivo na nossa página oficial.

Facebook e Instagram

Correio da Bahia