Polícia

Após paralisação de 48h, Policiais Civis podem decretar greve na Bahia; assembleia acontece nesta terça-feira

A categoria se mostra insatisfeita com a aprovação da PEC que prevê mudanças nas regras de previdência dos funcionários.

Policiais Penais e Civis avaliam a possibilidade de entrar em greve, após a confusão ocorrida na sede da Assembleia Legislativa da Bahia (ALBA), no Centro Administrativo (CAB), na última sexta-feira (31). A categoria se mostra insatisfeita com a aprovação da PEC que prevê mudanças nas regras de previdência dos funcionários.

Segundo publicação da Aratu On, na terça-feira (04), acontecerá uma assembleia unificada, no Auditório do Sindicato dos Trabalhadores em Água, Esgoto e Meio Ambiente do Estado da Bahia (SINDAE-BA), no bairro dos Barris a partir das 10h. Na ocasião, os policiais irão decidir, paralisarão por mais 24h em repúdio à decisão do Secretário Nestor Duarte de punir os policiais penais Ithamar Cruz Souza e Baltazar Soares com suspensão, sob alegação de que teriam incitado a categoria a interromper as atividades em 2018 ou decretar uma greve geral.

Siga o Recôncavo no Ar nas redes sociais e fique por dentro de todas as informações e transmissões ao vivo na nossa página oficial.

Facebook e Instagram

Blog do Valente

Artigos relacionados

Botão Voltar ao topo