Adolescente tenta abrir celular e o aparelho superaquece e derrete em Elísio Medrado

Por pouco a casa não foi incendiada.

Segundo informações colhidas pela reportagem do Recôncavo no Ar nesta sexta-feira (10), um adolescente de 12 anos de idade tentou abrir um aparelho celular na cidade de Elísio Medrado com uma chave de fenda e ocasionou o superaquecimento do aparelho. O aparelho havia sido retirado da tomada após certo tempo de carregamento.

De acordo com as informações, o adolescente não conseguiu abrir o aparelho e ao perceber que o mesmo estava esquentando deixou em cima de um colchão indo chamar a mãe para ver o ocorrido. Antes da chegada da mãe, o tio do garoto chegou na residência e viu o aparelho derretido e fumaça saindo do colchão. Após identificar o ocorrido, o aparelho foi retirado do local completamente destruído com o superaquecimento.

Siga o Recôncavo no Ar nas redes sociais e fique por dentro de todas as informações e transmissões ao vivo na nossa página oficial.

Facebook e Instagram

Foto: Internauta Recôncavo no Ar